Salvador o axé, Goiânia o sertanejo, Recife o frevo e em São Paulo?


Por Dodô Silva

O samba rock é um ritmo originalmente paulistano, todos nós sabemos disso, pois moramos aqui e vimos o mesmo, entretanto isso não se faz aparente aos olhos do resto do País.

Nas outras capitais os movimentos regionais tem visibilidade nacional, pois são “grandes” no sentido de que caminham em uma só direção, claro que sabemos que nem tudo são flores, mas de certa forma existe algo na postura deles que é diferenciado.

Pílula de Cultural de Samba Rock - Foto: Samba Rock Na Veia
Pílula de Cultural de Samba Rock – Foto: Samba Rock Na Veia

O nosso samba rock é grande, porém segmentado. Digo isso, pois existem inúmeras manifestações em prol do movimento aqui na capital e também no interior, todas elas muito bem estruturadas e com ideal extremamente nobre, entretanto não vejo uma junção entre elas. Essa junção é o que faria o samba rock ser notado com mais ênfase. Experimente ir em um campo sozinho e gritar samba rock, depois volte no mesmo campo com mais 10 amigos e faça a mesma coisa e compare a diferença.

Eventos como “Oscar do Samba Rock”, “Samba Rock Day”, “Pílula de Cultura” deveriam fazer um “barulho” muito maior do que hoje fazem, com toda a massa do ritmo presente independente de que camisa cada um defende.

Paulinho, Dodô Silva (ambos banda Bola de Meia) e Ualdo Nascimento - Foto: Samba Rock Na Veia
Paulinho (à esq.), Dodô Silva  (ambos banda Bola de Meia) e Ualdo Nascimento (à dir.) – Foto: Samba Rock Na Veia

Não deveria ser preciso uma “campanha” para termos na Virada Cultural da Capital um palco de samba rock, ele deveria estar relacionado no topo da lista.

Vemos muita cultura equivocada na TV infelizmente, e gostaríamos de ver a nossa, que é o samba rock ser representada e torna-se uma opção dentre as demais, mas acho que antes de cobrar esse espaço é preciso nos preocupar com o que temos para mostrar, é preciso estar pronto para as oportunidades. Confio que quando se faz um bom trabalho e se constroem bons laços as coisas acontecem da melhor e mais tranquila forma.

Para isso é preciso endossar as iniciativas que evidenciam e engrandecem o movimento, frequentando e divulgando tudo que for benéfico ao crescimento do samba rock e que tenham a qualidade que o mesmo exige e merece.

Casal dançando samba rock - Foto: Samba Rock Na Veia
Casal dançando samba rock – Foto: Samba Rock Na Veia

Ao contrário do que algumas pessoas devem achar nos alegra ver novas bandas de samba rock surgindo, pois são mais olhos que serão atraídos para o movimento o que faz com que todos, velhos e novos sejam vistos e conhecidos por muito mais pessoas o que só tende a crescer.

Pessoalmente fico feliz em prestigiar os amigos que assim como nós (banda Bola de Meia) defendem essa bandeira e querem ver o samba rock no seu lugar de direito na cultura nacional, feliz em ir em shows de nossos amigos e também ver do palco quando eles aparecem para nos prestigiar, feliz em compartilhar nas redes sociais belos vídeos, músicas, dança de profissionais extremamente talentosos e que são nossos parceiros no dia a dia e nossos amigos e acredito nessa recíproca.

Tudo isso que foi escrito aqui não se trata de crítica ou desabafo não, viu, são apenas ideias, opiniões para a minha reflexão e a de quem mais interessar.

Dodô Silva é baterista da banda Bola de Meia

Samba Rock Na Veia
Arte, lazer e cultura com a levada do samba rock.

+ Não há comentários até o momento

Adicionar o seu